quinta-feira, março 01, 2007

crepúsculo



choro em mim as lágrimas que por ti choro…

no meu ser a ilusão de sonhar contigo
dói-me ver que não consigo esquecer de pensar em ti!

de quem são as lágrimas
que nascem nos meus olhos
vivem no meu rosto
e se diluem nos meus lábios – sal?

a saudade abraça-me sempre que te digo adeus
pois não consigo dizer um adeus definitivo
e o meu olhar dilui-se no teu…
chorando lágrimas secas que teimo em esconder na tua presença.

sou uma sombra de mim próprio
viajando nos sonhos ao pensar em ti,
de um ser que esvazia o meu corpo
ser que ao pensar em ti… entristece.

pelo passado que já não é presente….

Bruno Ribeiro
Lx. 9.Nov.06

10 comentários:

rainbowsky disse...

Poderia escrever inúmeras palavras, mas secalhar nenhumas traduziriam tanto como aquilo que dizes. Olho no espelho e vejo essas palavras no reflexo da mesma forma... "sou uma sombra de mim próprio
viajando nos sonhos ao pensar em ti, de um ser que esvazia o meu corpo ser que ao pensar em ti… entristece. pelo passado que já não é presente…." Se o mundo fosse justo... do outro lado do espelho haveria sempre um paraíso onde isto não seria possível, mas a realidade é que os nossos sonhos às vezes não se concretizam ou não fazemos por eles... noutras somos expostos à crueldade que repentina e inexplicavelmente abalam os alicerces da alma... aí sim é mais difícil... um Abraço.

Secreta disse...

O passado nunca pode ser presente , mas do presente podes fazer um futuro . Pensa assim e tlv te sintas melhor...
Beijito.

Arion disse...

Mas vai passando, até fazer parte da própria pele. Eu sei porque é o que me vem acontecendo ao longo dos últimos 3 anos. Abração!

meialua disse...

Mas poderás sempre tentar encontrar/construír um futuro ;)

Beijinhos*

Madalena disse...

Passado é passado...
Presente é presente...
Futuro é futuro....
E que a vida siga em frente...
Bjs
Madalena

Sofia Cunha disse...

Antes de mais quero agradecer o facto de ter visitado o meu Blog. Agradeço também as sempre bem vindas palavras nele deixadas. É de coração que agradeço tal coisa.

Quanto ao seu Blog, parece-me de facto algo interessante, na medida em que me desperta para uma leitura saudosa e repetitiva, sentindo o desejo de voltar e mais uma vez voltar. Aliás, as minhas passagens nunca serão simplesmente passagens...

Obrigado;)
Beijinho.

betty boop disse...

Chora por quem te estende a mão... chora por quem não te quer dizer um adeus definitivo.

Um beijo doce e muito especial só para ti T... ;)

Alvaro Gonçalves disse...

Oi meu amigo,

Hoje aqui venho, primeiro para te agrdecer a visita ao meu humilde cantinho que muito amei, e segundo para te conhecer um pouco melhor.
Estive aqui te ouvindo e adorei, mas te achei triste, mas sei bem do que falas também eu já me senti uma sombra de mim mesmo, hoje luto para conseguir todos os dias alcançar um pouco daquilo que todos merecemos, paz interior, amor, luz.
Acredita amigo que no fundo do tunel há uma luz te esprando, mas terás de lutar para a alcançar, sei que é fácil falar, mas sei também que existe uma força enorme dentro de ti, que talvez desconheças, que te vai ajudar.
Desejos de bom Domingo e uma semana cheia de luz em teu coração e em teu caminhar.
Xi - corações mil.

yohanan disse...

Choras um passado que ficou para trás, e agora vives de recordações...de saudades... abraça o presente e contrói um futuro, o teu futuro brilhante, desse é que deves ter saudade...
Eu sei: é mais facil dizer que fazer'...mas tenta ta... um abraçinho carinhoso e um jinho doce e fofo. cuida-te. *

Twlwyth disse...

A ausência cria em nós muitas vezes a ilusão de que só aquela presença seria perfeita.