terça-feira, setembro 30, 2008

timidez de um olhar

photo: unknown

o vento chama pelo teu nome
eco da minha voz
e o sol espelha o teu brilho
chama da minha paixão!

nesta dança longínqua
em que te estendes
por caminhos que desconheço
espero, uma vez mais, olhar-te
e beijar-te,
vendaval do meu desejo
enquanto te rendes
à vontade do meu ser!

escrevo,
sobre pedestais vacilantes
ondas do meu ser
que varrem o meu viver
sons que o meu coração
desperta e se estende à mão
de quem te chama, hesitante
entre o tímido olhar de um beijo.

Bruno Ribeiro
PMS. 28.Junho.008

8 comentários:

Som do Silêncio disse...

Hummm....
:)

Beijo grande

Twlwyth disse...

'O tímido olhar de um beijo'... gostei... muito.

Abraço :)

impulsos disse...

Quase que te imagino a escrever este poema...
Sentado numa velha cadeira
Junto aquela janela de madeira
Por onde estendes o teu olhar
Fixo no horizonte do teu sentir...

Beijo

pimentinhabm disse...

muito lindo!!!
"tudo q desejo eh olhar nos teus olhos antes de beijar-lhe os labios e ler seus vastos pensamentos insanos!"

bjus

Sensi disse...

Um sentir belo
Na timidez de um olhar
Que desperta um
sorriso terno

BJ

SENSI

Shadow disse...

Olá boa noite!

Imagino que escreveste este texto com um sorriso nos lábios.
Estarei enganada?

Bjs,
Shadow

Attitude Problem disse...

É tão bom vir aqui... sinto-me bem e levo sempre um sorriso!


Um beijo.

Nogs disse...

Sublime.

eu além do tímido olhar de um beijo coro também (quem diria? uma louca mulher extrovertida e excêntrica como eu...:P)

Beijooo