sábado, março 01, 2008

o som do silêncio

photo: escolhida e cedida gentilmente por Som do Silêncio [só poderia ser assim]

escuto no som da noite
a incerteza do lugar
a que pertenço,
perdido que estou, em que penso
no não querer pensar
um acreditar que persiste.

Bruno Ribeiro

5 comentários:

Azul disse...

No silêncio da noite encontro o meu porto seguro. Cais de abrigo dos pensamentos, dos sentimentos que me assolam a alma.

Mas... ao contrário de ti... o que me "devolve" não é a incerteza, mas a CERTEZA de que o meu lugar não é "aqui".

Beijo Bruno
Azul

PS: um resto de um óptimo fds

Som do Silêncio disse...

Olá Bruno!

Sabes que gosto do título do texto?
É...gosto.
E sabes também, (claro que sabes) que gostei do que foi escrito.
A imagem é bonita sim, mas ficou completa com as tuas palavras...e que palavras...

Ficaria aqui a dizer muit mais...mas prefiro guardar para mim!

Beijo terno

nuvem disse...

Este deixou-me sem palavras.

Perfeito.

Mil beijos

Sha disse...

É no silêncio da noite que escuto em cada som os ecos de mim.
Onde me perco e me encontro.

Tenho passado por aqui algumas vezes, em silêncio.

Beijo
Sha

Secreta disse...

No silencio da noite conseguimos chegar ao mais intimo de nós mesmos.
Beijito.